Terça-feira, 21 de maio de 2024

A hora de apostar

O colorado entra em campo quinta-feira, diante de um Delfín, precisando rodar o seu elenco e encarando uma sequência dura de viagens e jogos. Deste modo, Eduardo Coudet tem problemas para escalar a equipe e principalmente evitar novas lesões. Por outro lado, é o momento de enxergar as pratas da casa e dar uma nova cara para o colorado.

Sempre que falamos de meninos, lembramos de Lucca e Maurício. Entretanto, desta vez, chegou a hora de outro garoto ganhar uma oportunidade, trata-se de Gustavo Prado. O carioca de 18 anos vem pedindo passagem e brigando por um espaço entre os 11 iniciais com a camisa colorada. Nesta quinta, contra o Delfín, é o momento de performar entre os titulares e buscar a sua chance de provar que as boas atuações devem ser premiadas.

O colorado, desde que perdeu Alan Patríck, ainda não conseguiu ter assertividade na criação ou variações pelo lado direito. Maurício vem tendo dificuldades na criação de jogadas e o garoto tem auxiliado quando entra no decorrer dos jogos. Com a saída do Wanderson, abre espaço para um inter mais recheado no meio de campo e com maior poder de criar jogadas ofensivas. Maurício ganha um parceiro e Wesley tem uma liberdade maior para se dividir com as obrigações ofensivas de Borré.

Gustavo Prado: este é o nome que Eduardo Coudet e a direção apostam para que as bolas ofensivas comecem a entrar e Borré desencante com a camisa do Internacional.